O que é o Home Staging e para que serve? O Home Staging pode ajudá-lo a impulsionar a venda do seu imóvel

vender-comprar-casa-aveiro-portugal

Apesar do nome pomposo, o Home Staging é muito mais simples do que parece!

Home Staging significa encenação e serve para enaltecer os pontos positivos de um imóvel. É, acima de tudo, uma técnica de marketing imobiliário que pode ajudar a vender o seu imóvel mais rapidamente e por um valor superior.

O Home Staging (ou encenação de imóveis) já está implementado em vários países ocidentais há mais de 30 anos. Em Portugal, é uma técnica inovadora e já apresentou resultados muito positivos. Fomos fazer uma formação com a expert Rita de Miranda e voltámos cheios de vontade de pôr em prática este conhecimento tão valioso.  Saiba o que é o Home Staging e para que serve.


«PORQUE NÃO CONSIGO VENDER O MEU IMÓVEL?»

Se está a tentar vender o seu imóvel – do qual tanto gosta – e não percebe porque ninguém o quer comprar, saiba que há inúmeras razões para tal acontecer. Entre algumas destas razões, encontram-se cinco muito importantes e sobre as quais lhe vamos falar.

  1. O SEU APEGO PELO IMÓVEL
    Explicamos porque o seu consultor imobiliário insiste em chamar a sua habitação de “imóvel” e não de “casa”. Acontece que, para si, o espaço que pretende vender é a sua casa, onde guarda os seus pertences e memórias, onde cada canto reflecte cada pedaço de si. Para o resto do mundo, o que está à venda é um imóvel e é disso que os potenciais compradores estão à procura.

O cliente comprador não tem qualquer afinidade com a sua habitação e o que procura é um espaço que lhe desperte emoções privadas e positivas, onde consiga imaginar-se a viver.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-aveiro-ville
Antes e depois do Home Staging.

Ora, naturalmente, se o seu imóvel está repleto de objectos pessoais e a decoração está feita ao seu gosto, é possível que o potencial comprador sinta um desapego em relação ao imóvel caso não se identifique  com os seus pertences. Isto acontece muitas vezes porque os clientes têm alguma dificuldade em projectar o potencial do imóvel perante este obstáculo.

Curiosamente, apenas 10% dos clientes compradores tem a capacidade de se abstrair do recheio e condições de um imóvel e de conseguir realmente visualizar o seu potencial. Os restantes 90% bloqueiam quando se deparam com algo que não lhes agrada. Ao mínimo detalhe incompatível, o visitante vai reagir insconscientemente à emoção despertada e vai imediatamente recuar!

Conselho valioso: tenha sempre em conta que o que vai vender é o seu imóvel. A sua casa (lar) vai consigo para a sua nova morada. As fotografias, lembranças, mobílias, têxteis e outros objectos pessoais não vão ser vendidos com o imóvel! Pense que é de um negócio que está a tratar e a rapidez e valor obtido são as suas principais motivações. 

  1. O IMÓVEL ESTÁ DESABITADO MAS AINDA SE ENCONTRA MOBILADO

home-staging-aveiro

Esta é uma situação parecida com a descrita no ponto 1, à excepção de que ninguém habita o imóvel e este se encontra fechado e sem respirar. O recheio da casa costuma ser antiquado e/ou nada adequado às suas funções. Ao passo que num imóvel habitado o visitante ainda consegue imaginar como é viver nele, mesmo que não lhe agrade o cenário, no caso de um imóvel não habitado a primeira emoção sentida é a de rejeição. Muitas vezes, parece até que o imóvel foi transformado num museu em honra de quem o habitou. Não é isto que um cliente quer quando procura uma nova morada!

  1. O IMÓVEL ENCONTRA-SE TOTALMENTE DESPIDO
home-staging-aveiro-decoracao-imobiliaira-real-estate
Antes e depois do Home Staging.

A noção de espaço num imóvel vazio é difícil de entender para a maioria das pessoas. E muitas vezes, uma divisão vazia parece mais pequena do que na realidade é. Ponha-se no lugar do visitante e faça um inventário mental da sua mobília. De seguida, imagine-a distribuída pelas várias divisões do imóvel vazio. Que experiência retira deste ensaio? O mais provável é encher-se de dúvidas quanto à correcta distribuição dos mesmos e ao volume ocupado por cada móvel. Esta experiência pode demover os visitantes e levá-los a desisitir  da compra.

Em ambos os pontos 2 e 3, compreendemos que, para si, o principal transtorno passa pela despesa que o imóvel inabitado lhe está a dar. Se fizer as contas, quanto está a gastar anualmente pelo imóvel que pretende vender? Some o Imposto Municipal sobre o Imóvel (IMI) + 12 mensalidades do banco (se ainda estiver a pagar o imóvel) + seguros + 12 meses de condomínio (no caso de existir) + 12 meses de contas de água e luz. Que resultado obteve? Quanto pensa que gastaria se efectuasse pequenos upgrades ao imóvel para o tornar mais apelativo ao público em geral? Mais abaixo iremos explicar como o Home Staging pode ajudá-lo a economizar e, no final de tudo, a vender o seu imóvel três vezes mais depressa e de acordo ou acima do seu valor de mercado.

  1. O IMÓVEL PRECISA DE REPARAÇÕES

home-staging-aveiro

O que para si já se tornou tão habitual que já nem lhe faz confusão, para o visitante pode ser uma das causas que o leve a desistir da compra ou de querer baixar o valor da proposta. Uma torneira a pingar, uma fissura na parede, um rodapé ligeiramente descolado, uma porta que chia ao abrir e fechar. Estas são pequenas reparações que pode fazer e que irão fazer muita diferença. O potencial comprador vai ter atenção a todos os pormenores. Como sabe, é uma decisão muito importante na vida de alguém.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao
Antes e depois do Home Staging.

Outra situação menos fácil de resolver (mas não necessariamente dispendiosa) é a de problemas estruturais e de acabamento. Tubagens fora das paredes, revestimentos em mau estado ou antiquados, pavimentos maltratados, janelas que vedam mal, manchas e cheiros de humidade… é uma lista extensa de possibilidades que vão causar má impressão ao visitante e levá-lo a propor um valor muito abaixo do pretendido se, antes disso, não desistir da compra.

home-staging-aveiro

  1. O IMÓVEL ESTÁ A PEDIR UMA LIMPEZA e/ou ARRUMAÇÃO PORMENORIZADA (ao estilo “limpeza da Primavera”)

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao

Reforçando o facto do visitante querer imaginar-se a viver no ambiente que visita é de esperar que o resultado seja pouco positivo quando visita um imóvel com pó, detritos, cheiros desagradáveis, janelas sujas, paredes manchadas e/ou objectos indiferenciados espalhados desordenadamente. Ninguém consegue desbloquear o prazer que será habitar um imóvel que vai dar muito trabalho a limpar e/ou arrumar. O que o comprador pretende é entrar na nova habitação com os seus pertences, não ter de o limpar a fundo e/ou retirar objectos do anterior proprietário.

Lembre-se que o comprador pretende conhecer o verdadeiro potencial da casa, indo de encontro imediato aos pontos positivos do imóvel. Assim que se depara com entraves de sujidade e desarrumação, poderá não conseguir focar-se no que realmente lhe interessa.

A presença de animais de estimação no momento da visita também pode causar transtorno e, nalguns casos, repugnação ao visitante. Há que assumir que nem todas as pessoas apreciam animais de companhia, porque têm alergias ou porque não gostam do cheiro ou, simplesmente, porque não. É uma realidade que deve ser respeitada. Mais vale tentar vender o seu imóvel a alguém que não quer animais do que não vender de todo, certo? Para isso é necessário que, nos momentos de visita ao imóvel, os animais de estimação sejam retirados de cena, juntamente com todos os seus acessórios (caixas de areia, camas, tigelas, arranhadores…). Também os cheiros devem ser eliminados. Mais abaixo referimos truques simples para o efeito.


«MAS AFINAL O QUE É O HOME STAGING E PARA QUE SERVE?»

Pelo decorrer deste artigo já deve ter percebido que Home Staging é uma forma de dar a volta às situações acima referidas. E está certíssimo! Home Staging é um termo vindo da América do Norte, implementado no marketing imobiliário ocidental há mais de 30 anos. Tem como objectivo preparar o imóvel, como o próprio nome indica, para o vasto mercado imobiliário e, face ao mesmo, destacá-lo perante a concorrência. Desta forma cria condições que poderão contribuir para acelerar a venda e ainda manter ou aumentar o valor do imóvel!

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao
Antes e depois do Home Staging.

O Home Staging chegou a Portugal há mais ou menos uma dezena de anos e  está agora em voga porque passou a ser reconhecido como uma técnica eficaz que contribui em muito na venda dos imóveis face à  concorrência.

Até agora, os consultores imobiliários empenharam-se em angariar imóveis e encontrar potenciais compradores para os mesmos. Ficava de parte a preparação do imóvel para desencadear as visitas e diminuir o tempo de venda. Com o aumento da concorrência e a tendência para uma maior preocupação com a estética dos interiores aliada ao bem estar emocional, tornou-se pertinente esta fase intermediária, a da preparação ou encenação do imóvel.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao
Antes e depois do Home Staging.

Repare que Home Staging não é Design nem Decoração de Interiores. Home Staging envolve, principalmente, a função de criar ambientes genéricos, despersonalizados, que frisem a utilidade de cada divisão da casa. Com isto, o visitante vai conseguir situar-se no imóvel com mais facilidade e deixar que as suas emoções, em conjunto com as suas necessidades, o conduzam a uma decisão final. Por isto, o Home Staging deve respeitar um recheio o mais neutro possível. Até porque nunca sabemos quem virá visitar o imóvel. Pode ser alguém solteiro, casado, com ou sem filhos, mais novo, mais velho, com variados tipos de interesses e gostos muito diferentes dos seus.

O investimento que fizer em Home Staging poderá reflectir-se no valor final do imóvel e no tempo de venda do mesmo. Só sai a ganhar!

É muito importante não colocar o gosto pessoal sobre o essencial. Fotografias pessoais, pinturas vibrantes, peças de arte extravagantes, têxteis muito coloridos, mobiliário bizarro e fora do contexto e outros objectos de gosto pessoal… tudo o que compõe a sua vida privada e gosto pessoal deve ser guardado no momento das visitas.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao
Antes e depois do Home Staging.

O imóvel deve cheirar bem e ter ar fresco. Entrar num ambiente desconhecido deixa-nos sempre num inconsciente estado de alerta. Quanto mais acolhedor for o ambiente, mais confortáveis e relaxados nos sentiremos. Deve lembrar-se sempre de arejar a habitação antes da chegada do visitante e, de preferência, emanar um aroma natural e agradável por todas as divisões. Cheiros de frutas e bolinhos acabados de fazer são uma boa aposta porque agradam a maioria das pessoas e despertam memórias boas.

As casas de banho são, por vezes, esquecidas na preparação do imóvel para visitas. Na nossa experiência, nos casos em que os imóveis estão habitados, encontramos regularmente objectos de higiene pessoal dispostos um pouco por toda a divisão. E naturalmente sentimos cheiros característicos do uso de uma casa de banho. É muito fácil contornar este cenário. Guarde as escovas de dentes, o fio dental, o algodão, os frascos de champô e gel de banho, o secador… Deixe os sanitários a brilhar. Troque as toalhas e disponha-as na perfeição. Desinfecte a sanita e feche a tampa. Brinde a sua casa de banho com um a três (no máximo) objectos decorativos, como uma planta, um sabonete novo e uma vela.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao
Antes e depois do Home Staging

Se perceber que os revestimentos e sanitários da sua casa de banho estão em mau estado ou estão muito desactualizados, pondere a possibilidade de fazer uma remodelação. Hoje em dia encontra materiais excelentes a preços muito confortáveis. Esta remodelação vai fazer toda a diferença na valorização do imóvel e vai agradar à maioria dos visitantes.

home staging aveiro imobiliaria-real-estate-decoracao
Antes e depois do Home Staging.

cozinha também é outra divisão que costumamos encontrar em desarmonia com a expectativa. Compreendemos que, caso esteja a habitar o imóvel em questão, seja uma área de uso intenso e constante. No entanto, o visitante precisa de analisar todos os pormenores da cozinha e não irá sentir-se à vontade se tiver de afastar electrodomésticos e utensílios de bancada ou abrir armários (repletos de objectos) para ver as condições do mobiliário. Mais uma vez é importante reforçar a principal função da divisão que, neste caso, é alimentar e, de preferência, de forma saudável.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao
Antes e depois do Home Staging.

Limpe as bancadas, retire a torradeira, a tosteira, o robot de cozinha, o micro-ondas, o fervedor eléctrico… e arrume num local discreto mas onde consiga aceder facilmente. Deixe apenas um prato ou fruteira com fruta fresca, um jarro com flores ou uma planta. Limpe e organize o frigorífico e coloque lá dentro metade de uma cebola ou uma casca de limão para neutralizar os cheiros. Se tiver mesa, esvazie a sua superfície e, se quiser, coloque louça de pequeno almoço.

Se os revestimentos e movéis de cozinha estiverem em mau estado ou a precisar de remodelação, invista. Tal como a casa de banho, a cozinha costuma ser um factor decisivo na escolha de um imóvel. É possível que vá ser uma divisão com muito uso e que exige um ambiente confortável e funcional. Se alguma porta chia, uma torneira pinga, uma janela ou persiana fecha mal, rectifique. Se os móveis são muito antigos e uma boa pintura pode dar-lhes uma cara nova e bonita, pinte-os. Se os azulejos estiverem a pedir reforma, pinte-os também ou coloque um revestimento actual e neutro. O cliente vai ter uma reacção muito mais positiva se se deparar com uma cozinha cuidada, organizada e funcional.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao
Antes e depois do Home Staging.

Na sala de estar, deixe ficar apenas o que faz desta divisão aquilo que ela é. Sofá, móvel de apoio, candeeiro, quadro ou espelho, almofadas e alguns livros, uma planta para trazer a natureza para dentro do imóvel, um tapete se ajudar a complementar o ambiente. A disposição dos elementos deve permitir a fluidez na circulação pela sala. As principais mais valias, como uma lareira, devem ser alvo de atenção.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao

Na sala de jantar, espaço destinado à refeição e ao convívio, deve manter a mesa e as cadeiras (se ocuparem a totalidade da mesa considere retirar algumas) com louça de refeição, um móvel de apoio, um centro de mesa, um candeeiro suspenso, um espelho ou quadro e um jarro com flores. Se houver algum móvel louceiro muito grande e que ocupe muito espaço, pondere retirá-lo ou, se possível, deixar apenas a parte de baixo.

 

home staging aveiro imobiliaria real estate ville decoracao
Antes e depois do Home Staging.

Os quartos também devem transparecer a função a que se destinam, descansar e dormir. Num quarto de casal, uma cama para dois. Num quarto de solteiro, uma cama individual. Cama, têxteis neutros, mesa(s) de cabeceira(s), candeeiro suspenso e candeeiro(s) de mesa(s), camiseiro ou cómoda, armário (se couber), um livro e um jarro serão suficientes para recriar o ambiente pretendido. Isto e uma cama bem feita! Um espelho e uma cadeira, se o quarto for muito grande, pode ajudar a compor o espaço.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao
Antes e depois do Home Staging.

Uma casa pode ter mais divisões, não referidas nas soluções de Home Staging descritas acima. O importante é ter em conta que o objectivo é reforçar a função para o qual o ambiente criado se destina.

Paredes com cores vibrantes ou papéis de parede berrantes podem demover o visitante só porque este não se identifica com o estilo. Lembre-se que as cores neutras são sempre as melhores escolhas. Brancos, cinzas e beges são boas apostas, desde que bem equilibradas. Pintar as paredes da casa, tapar possíveis fissuras e antigos furos são convenientes na preparação do seu imóvel para venda. Estes tons também podem e devem ser aplicados na escolha dos têxteis a aplicar no imóvel.

home-staging-aveiro-imobiliaria-real-estate-ville-decoracao

iluminação é um apontamento muito importante. A luz natural, em conjunto com a iluminação artificial, é um factor chave para a noção de amplitude dos espaços. Em todas as visitas ao imóvel, as luzes devem estar acesas e com luzes quentes. O tom das lâmpadas vai conferir conforto à habitação. Por isso, escolha tons amarelados. Aquelas lâmpadas frias, de tom branco, são utilizadas, por exemplo, em negócios onde se pretende que o cliente não se demore, precisamente por não ser um tom acolhedor. Posto isto, lembre-se que, se posível, é importante ter um contrato de luz activo, de forma a conseguir criar um ambiente confortável e bem iluminado. Além da iluminação artificial, tenha os vidros bem limpos e os cortinados abertos. Só os deve fechar caso a vista para o exterior seja desagradável. Ainda assim, escolha têxteis claros para as janelas, de forma a permitir ao máximo a entrada de luz natural.

home-staging-ville-aveiro-imobiliaria-real-estate-decoracao

home-staging-aveiro-ville-real-estate-imobiliaria-decoracao
Antes e depois do Home Staging.

E o que fazer às peças de mobiliário e acessórios decorativos e pessoais que não vai precisar durante o processo de Home Staging? Há várias formas de conseguir armazenamento para estas peças. A garagem de um familiar ou amigo, um pedaço de um armazém, o aluguer de um espaço para o efeito. Existem empresas de mudanças que alugam espaços (boxes) de armazenamento temporário a preços convidativos. Se os objectos pessoais não ocuparem muito espaço, pode empacotá-los em caixas de cartão e guardá-los, de forma organizada, dentro de um armário.

Se o imóvel que tem para venda ou arrendamento não se encontra habitado, é provável que este se encontre desprovido de mobiliário. No caso de imóveis vazios, também há formas de dar a volta. Existem empresas que alugam mobiliário e, pela internet, encontra quem venda mobiliário usado a preços acessíveis. Por vezes, é necessário retocar algumas peças mas, com pouca mão de obra, conseguem-se resultados muito satisfatórios que em conjunto com os objectos decorativos certos, recriam ambientes perfeitos de Home Staging. Também pode optar por usar mobiliário seu. Lembre-se que será uma situação temporária e que em breve poderá usufruir novamente das suas mobílias e têxteis.

FAÇA AS CONTAS
Já foi referido que o Home Staging é uma estratégia que poderá acelerar a venda e acrescer valor ao imóvel. É certo que terá de dispender algum dinheiro e tempo para concretizar um projecto destes. Mas fazendo as contas, o objectivo vai justificar esta dedicação. Mais acima, falámos das despesas inerentes a um imóvel (IMI+ Mensalidades banco(se ainda está a pagar o imóvel)+ Seguros+ Condomínio(quando aplicável)+Despesas com água e luz. Se este se encontra desabitado, as despesas duplicam. Está a ter gastos com a sua actual residência e ainda com o imóvel que tem para venda. Some todas as despesas que vai ter durante 6 meses a um ano (o tempo que pode vir a demorar a vender o imóvel ou mais). Pondere se se justifica gastar esse ou muito menos dinheiro em melhorias ao imóvel, de forma a tentar vendê-lo mais depressa e a rentabilizar o seu investimento.

CONCLUSÃO
Como pode ver, o Home Staging não é nada de complicado. É, acima de tudo, uma técnica de marketing para potenciar a venda ou aluguer de imóveis. Da próxima vez que o seu consultor imobiliário lhe sugerir esta solução, pondere bem, porque o que ele lhe está a propôr é reflexo de uma grande preocupação para consigo e com o sucesso do seu negócio.

Porque compreendemos a urgência que tem na venda do seu imóvel, teremos todo o prazer em ajudá-lo a vender o seu, aconselhando-o com o nosso know-how. O nosso objectivo é ajudá-lo a poupar o seu tempo e o seu dinheiro da forma mais eficaz.


Contacte-nos por telefone +351914007660 ou por e-mail geral@ville.pt ou visite o nosso website em www.ville.pt

ville-real-estate-imobiliaria-aveiro

Villè Aveiro – Rua José Afonso, 5, 3800-438 Aveiro | AMI12479

 

A casa da Ana Patarrana Recomendo a Villè Aveiro, sei que trabalham bem!

comprar-casa-aveiro-imobiliaria-real-estate-consultores-clientes

No belo dia em que me lembrei de colocar a minha casa à venda lembrei-me logo da Villè Aveiro e da Carla, com quem já tinha trabalhado noutro processo em que tudo tinha corrido bem.

Falei com ela, acordámos o valor de venda e qual não é o meu espanto quando 3 dias depois de colocarmos a casa à venda já tínhamos alguém interessado em visitá-la. No dia a seguir à visita tive a confirmação de que a pessoa queria mesmo comprar e assinar contrato promessa de compra e venda!

“Confiei tudo na Carla e tudo foi tratado por ela, rapidamente e sem qualquer problema para mim.”

Por isso é que recomendo a Villè Aveiro, sei que trabalham bem. Claro que nem todas as casas são vendidas em 3 dias como a minha, mas estão em boas mãos. Só tenho de agradecer à Carla por me ter apoiado em tudo.

Ana Patarrana

 

Leia mais testemunhos dos clientes da Villè


Se está à procura de imobiliária em Aveiro e gostava de viver uma experiência positiva como a dos nossos clientes, entre em contacto com a Villè Real Estate!

A nova casa da Ana Costa A realização de um sonho!

casa-imobiliaria-aveiro-clientes-satisfeitos

Quando procuramos casa, há imensos fatores a ter em consideração, desde localização, proximidade de serviços, área disponível, valor de mercado, com árvores de fruto, se tem boa disposição solar, etc.

A procura de casa é sempre um processo complexo, pelo simples facto de a escolha ter de atender a determinados requisitos que se impõem “obrigatórios” e outros aos quais podemos ceder.

A oferta de serviços de mediação imobiliária está em constante crescimento e é fácil encontrar uma agência ao virar da esquina, mas mais importante que a variedade de serviços, é trabalhar com profissionalismo, com valores que são mais importantes que o lucro de um negócio. Considero que são valores como a confiança, a ética, o rigor e a disponibilidade tão valiosos como a aquisição da casa per si.

“Após uma simples pesquisa de internet, cheguei ao contacto da Micaela Pereira, da agência Ville para obter mais informação de uma moradia que aparentemente teria os requisitos que procurávamos.”

 

Facilmente teve a perceção que o imóvel não se adequava às nossas necessidades, mas mesmo assim, efetuou a visita connosco. Fez uma check list dos pontos a considerar e a conversa fluiu.

Dias após o primeiro contacto, a Micaela telefonou para marcar visita a uma habitação que poderia corresponder às nossas expectativas.

“Confesso que fiquei impressionada com a forma de atuação: simples, dedicada, profissional, resiliente e simpática…”

Rapidamente foi elaborada uma proposta de aquisição, que deu origem a um contrato promessa compra e venda e posterior escritura.

“Ao longo de todo o processo, senti que fomos acompanhados, que nos deram os conselhos necessários quanto à escolha do crédito habitação, que nos alertaram para as regras que tinham acabado de sair em termos normativos, que houve transparência em todo o procedimento, foi certamente um negócio “win win” para todas as partes.”

Estou grata por todo o empenho aplicado na compra da minha casa, sinto que contribuíram para a realização de um objetivo pessoal, a escolha do meu lar de família.

 

 


Se está à procura de imobiliária em Aveiro e gostava de viver uma experiência positiva como a dos nossos clientes, entre em contacto com a Villè Real Estate!

A casa do Pedro e da Marina… Uma experiência imobiliária feliz e uma casa vendida em tempo record!

Era muito fácil, nós colocarmos a casa online e recebermos 20 visitas de pessoas que não estavam verdadeiramente interessadas. E nós queríamos que fosse um processo mais certeiro. Essa foi uma das vantagens que vimos em ter alguém especializado, que pudesse orientar essas visitas. De certa forma, fazer essa triagem por nós.

Nós queríamos trabalhar com alguém que conseguisse ver o imóvel da mesma maneira que nós o víamos. E que acreditasse nele, para o vender da mesma maneira.

 

“Tivemos o cuidado de encontrar a pessoa certa, que nos levasse as pessoas certas.”

 

Já conhecíamos a Consultora, há bastante tempo. O facto dela ser uma pessoa conhecida, encurtou muito o processo e facilitou o mesmo. A Consultora foi uma pessoa muito acessível, muito próxima. Lembro-me de estarmos a conversar com ela, sentados no sofá, sem sapatos, a comer uma laranja.” Como somos uma família com um bebé pequeno, não tínhamos tempo para muita formalidade. E nós também não somos assim.

O tratamento pessoal, a proximidade, a confiança, é para nós muito significativo. A confiança na pessoa com quem estamos a trabalhar, é muito importante! Isso permite-nos ter uma calma e uma tranquilidade diferentes para com as pessoas que estamos a receber para visitas. A Consultora, mostrou-se à altura e merecedora dessa mesma confiança. A disponibilidade, a compatibilidade, a confiança, são para nós fatores fundamentais, num processo de venda de uma casa. A compatibilidade entre nós clientes e a Consultora, facilitou o processo, porque estávamos todos na mesma página. Falámos todos a mesma língua e isso ajuda à confiança, à comunicação.

Houve uma coisa que a Consultora e fez que valorizamos muito. Nós não sabíamos por quanto íamos vender a nossa casa!

 

“Tínhamos um valor mínimo, mas o facto dela ter feito um estudo de mercado e aconselhar-nos do melhor valor para conseguirmos vender a casa, foi fundamental.”

 

Termos este aconselhamento, de uma forma equilibrada, sensata, estudada, pensada, foi muito positivo.

Como somos da área da imagem e somos muito visuais, precisamos ver tudo, o site, o tipo de fotografias, a maneira como se apresentam, a qualidade, e isso a nós disse-nos muito. Fomos ver a comunicação online e percebemos que a agência imobiliária tinha cuidado. Se têm cuidado, na maneira como se apresentam, também terão cuidado na relação com os clientes.

Foi a primeira impressão da imagem Villè. A imagem da Villé foi condizente com a personalidade da Consultora, foi condizente com aquilo que estávamos à procura, com o nosso tipo de personalidade, como um todo.

Casas de praia Decoração e conforto com um pé na areia!

casas-na-praia-aveiro

Casas de praia são um privilégio neste nosso “rosto da Europa a mirar a beira-mar” com longos Verões e clima ameno.

As casas de praia, tal como as casas de campo, têm algumas características próprias não só em termos estéticos, como também funcionais. São casas que vão beber inspiração a universos distintos e que precisam de alguns elementos que propiciem conforto e funcionalidade a quem as utiliza. Nós adoramos a praia, mas também sabemos que, entre outras coisas, o sal e a exposição ao sol danificam os materiais, que é necessária uma boa ventilação e que estas casas se sujam muito.

Por outro lado, e no que à decoração diz respeito, é inegável que há uma parte divertida inerente a esta coisa de se ter casas de praia. Podemos deixar-nos seduzir pelas riscas azuis e brancas ou por combinações alegres e divertidas que dificilmente arriscaríamos numa casa de cidade.

Partilhamos consigo algumas sugestões de decoração para casas de praia, sem esquecer o aspecto prático. Se tem uma casa na praia sua ou para alugar, não pode mesmo perder o que se segue.

Vamos lá a banhos de inspiração?

1. CORES FRESCAS E ALEGRES

As casas de praia pedem ambientes leves, arejados e despojados que, como não podia deixar de ser, estão associados a cores claras. Há alguns lugares-comuns que se podem sempre visitar como a combinação entre branco e o azul marinho. Esta combinação pode surgir pontuada com toques de amarelo, verde ou até de vermelho.

Para além destas conjugações clássicas, pode-se apostar numa paleta cromática que tenha o luminoso branco como base e introduzir-lhe cores vibrantes como o rosa, o azul turquesa ou o coral. Se os tons mais exuberantes não forem o seu estilo, acrescente ao branco um bonito verde água ou o bege e outros tons de castanho claro. A regra de ouro é evitar cores pesadas que mais não farão do que transmitir-lhe calor e desconforto.

2. NÃO SE EXCEDA A MOBILAR E A DECORAR

As casas de praia querem-se descomplicadas: não sobrecarregue a sua com móveis. Escolha peças simples e bonitas e certifique-se de que a circulação dentro dos espaços é facilitada. Uma casa de praia deve acompanhar o espírito do Verão, a estação durante a qual nos despimos de tudo. Compre apenas os móveis de que precisa e remate a decoração com alguns ornamentos que tenham a ver com o contexto. Podem ser lanternas com velas, molduras com fotografias ou pinturas ligadas ao mar, recordações que trouxe de viagens, lemes, búzios, cestos, algumas plantas, e assim por diante.

3. ESCOLHA TÊXTEIS FÁCEIS DE LAVAR

Quem é que já não se sentou sobre o sofá depois da praia e deixou a almofada toda molhada e manchada? A verdade é que, numa casa de praia, não queremos andar a fazer cerimónias, pelo que lhe sugerimos a escolha de têxteis impermeáveis – ou pode mandar impermeabilizá-los depois de os comprar – e facilmente laváveis. As almofadas do sofá, por exemplo, devem ter fechos para poderem ser removidas e irem à máquina facilmente.

Ainda em relação aos têxteis, lembre-se de privilegiar tecidos leves e frescos como o linho, o algodão ou o voile. Para o chão, prefira carpetes de sisal, jacquard ou sisal. Vale ainda realçar que as cores fortes vão perdendo a intensidade com a exposição ao sol. Se não quer ter esse problema, é preferível comprar têxteis de tons neutros.

Independentemente do seu orçamento, somos da opinião de que não vale a pena gastar muito dinheiro em têxteis caros. Por muito cuidado que tenha, eles acabarão por se sujar e, mais ou cedo ou mais tarde, vai ter que os substituir. Na IKEA, por exemplo, encontra coisas bem giras por preços muito acessíveis.

 

​4. COZINHA BEM EQUIPADA

A praia dá fome. Correcção: a praia dá muita fome! É certo que, durante as férias, as pessoas tendem a não fazer refeições complicadas. Estar ao pé do fogão com o calor não é o cenário mais apelativo do mundo e, em muitos dias, até se prefere ir jantar fora.

No entanto, há sempre coisas a preparar, sobretudo quando as famílias são numerosas e há toda uma prole de filhos esfomeados sempre prontos para mais um lanchinho. Neste sentido, é conveniente ter um bom espaço de cozinha com os utensílios essenciais e um frigorífico generoso para ter comidas e bebidas frescas.

Em termos de configuração, favoreça uma cozinha aberta para a sala, e no que concerne a decoração, abrace um estilo colorido e orgânico.

​8. PROTEJA A CASA DA MARESIA!

casas-na-praia-aveiro

Ter o mar como vizinho também tem desvantagens. A salinidade danifica os materiais que vêem, assim, o tempo de vida reduzido. O que pode fazer para proteger a sua casa da maresia?

Em relação aos móveis, deve passar-lhes um pano com frequência – para evitar que os resíduos se acumulem – e selá-los com óleos adequados. Os metais são os que mais denotam este desgaste provocado pela maresia. Para prevenir a formação de ferrugem, escolha alumínio ou aço inoxidável e aplique verniz ou filme de poliuretano que evitam que a humidade passe. Para alcançar as dobradiças, pode usar um spray. O ferro também deve levar um revestimento antioxidante. Se tem paredes em betão, cubra-as com um impermeabilizante que evite a absorção do sal e o posterior surgimento de danos. As tintas com fungicidas são, igualmente, uma boa opção.

O que achou destas belas casas de praia? Vai tirar alguma ideia para aplicar na sua? Dê-nos o seu feedback!

Conheça algumas casas de praia em Aveiro disponíveis para venda!

casas-na-praia-aveiro

Artigo transcrito do site Homify

12 Projetos de Reabilitação de Imóveis em Aveiro que vai querer conhecer Mostramos-lhe como casas totalmente desatualizadas ou inabitáveis se transformaram em imóveis de sonho!

reabilitação de imóveis

A reabilitação de imóveis é cada vez mais emergente e a oferta de imóveis devolutos a pedir reforma é enorme. Damos a conhecer 12 projetos de reabilitação de imóveis em Aveiro que merecem a sua atenção e que servem de inspiração.

Mostramos-lhe como um imóvel extremamente desactualizado ou arruinado pode converter-se num espaço super moderno e confortável.

 


 

APOIOS PARA PROJECTOS DE RESTAURO E REABILITAÇÃO URBANA

No final de Junho de 2017 o Governo lançou o período de candidaturas de projectos de imóveis para restauro e reabilitação urbana que podem ser apoiados pelo IFRRU 2020 – Instrumento Financeiro para a Reabilitação e Revitalização Urbanas. Saiba mais sobre estes apoios aqui.

Estas são algumas das moradias para restauro ou reabilitação para venda em Aveiro
(clique na imagem para conhecer estes imóveis):

moradias para reabilitar Aveiro


Se conhece mais projetos de reabilitação de moradias ou apartamentos em Aveiro que considere que deviam ser alvo de atenção, partilhe-os connosco nos comentários! Os aveirenses e o resto do mundo vão, com certeza, gostar de os conhecer.

Imóveis para restauro em Aveiro já podem recorrer ao IFRRU 2020

imoveis-para-restauro-em-aveiro

O Governo lançou no final de Junho de 2017 o período de candidaturas de projectos de imóveis para restauro e reabilitação urbana que podem ser apoiados pelo IFRRU 2020 – Instrumento Financeiro para a Reabilitação e Revitalização Urbanas, disponibilizando um total de 1,4 mil milhões de euros.

“Os interessados com imóveis para restauro em Aveiro já podem preparar o acesso ao financiamento, sendo exigido apenas três passos: obtenção de parecer de enquadramento da operação pela Câmara Municipal, obtenção do certificado energético e preparação do pedido de financiamento a apresentar aos bancos selecionados”, informou o Ministério do Ambiente, que tutela a área da habitação e reabilitação urbana.

moradias-para-restauro-aveiro
Moradia T5 para restauro no centro de Ílhavo. Clique na imagem para saber mais.

Criado no âmbito do Portugal 2020 (acordo de parceria adoptado entre Portugal e a Comissão Europeia), o IFRRU 2020 é um instrumento financeiro que visa “contribuir para a revitalização das cidades e para a reabilitação integral de edifícios, com uma forte aposta na eficiência energética, através da disponibilização de empréstimos com condições mais favoráveis face às existentes no mercado (em termos de taxas de juro, maturidades e períodos de carência)”.

moradias para restauro aveiro
Moradia T3 para restauro no centro histórico de Aveiro. Clique na imagem para saber mais.

Neste sentido, o IFRRU 2020 reúne diversas fontes de financiamento, quer fundos europeus, quer fundos provenientes de outras entidades como o Banco Europeu de Investimento e o Banco de Desenvolvimento do Conselho da Europa.

“O sector da reabilitação urbana e, complementarmente, a área da eficiência energética, irá dispor de 1,4 mil milhões de euros, dos quais 703 milhões de fundos públicos”, afirmou a tutela em comunicado, indicando que as entidades financeiras e os respectivos instrumentos financeiros para a concessão de empréstimos nesta área foram escolhidos em concurso público internacional, promovido pela estrutura de gestão do IFRRU 2020.

moradias-para-restauro-aveiro
Moradia T3+1 para restauro na Gafanha da Nazaré. Clique na imagem para saber mais.

De acordo com a tutela, como entidades gestoras financeiras foram seleccionadas as instituições bancárias Santander Totta, BPI, Millennium BCP e Popular Portugal e para o instrumento de contragarantia foi seleccionado o Fundo de Contragarantia Mútuo, “com a concordância de todos os organismos com assento no Comité de Investimento do IFRRU 2020”.

moradias-para-restauro-aveiro
Moradia T7 para restaurar em Estarreja. Clique na imagem para saber mais.

Os interessados no financiamento para projectos de imóveis para restauro em Aveiro, passíveis de concorrer a reabilitação urbana podem consultar a página da internet do Portal da Habitação.

Na área da habitação e reabilitação urbana, além do IFRRU 2020, o actual executivo tem em curso o Fundo Nacional de Reabilitação do Edificado (FNRE), o programa Casa Eficiente, o programa Reabilitar para Arrendar – Habitação Acessível e os instrumentos para áreas urbanas (PEDU e PARU).

in Diário Imobiliário


Conheça os vários imóveis para restauro em Aveiro, passíveis de financiamento para reabilitação urbana.

moradias-para-restauro-aveiro